Notícias

Compartilhe nas redes sociais:

Orgulho pela evolução na carreira durante os treze anos de empresa

O tão sonhado primeiro emprego de Richard Durans Sobrinho, 31 anos, surgiu de uma oportunidade para ser embalador no Supermercado Calvi, de Campo Grande, em Cariacica. Então com 18 anos, ele, que reside em Viana, começou como embalador, passou para operador de caixa, fiscal, e, já há sete anos, é operador de sistemas no Centro de Processamento de Dados (CPD). Comunicativo e focado, ele responde pelo lançamento de notas fiscais, dando a entrada dos produtos na loja, atividade que tem desdobramentos em outras áreas e nos resultados da empresa, entre elas, custos, estoques, impostos e vendas.

Confira a entrevista com o profissional, que destaca o orgulho de sua trajetória na empresa.

- Há quanto tempo está na empresa?

Trabalho há 13 anos no Calvi e tenho muito orgulho da trajetória que tive aqui. Em cada etapa, tudo foi conquistado com muita dedicação, empenho e seriedade.

- Como você avalia a experiência de atuar no setor supermercadista?

É um setor muito dinâmico, que exige que cada um faça o melhor de si. Na minha atividade, para que a empresa atinja os resultados esperados, é fundamental ter muita concentração. O lançamento de um dado errado da nota fiscal no sistema pode carretar em transtornos para outras áreas. Tudo precisa bater corretamente, os dados do pedido/compras com os da nota fiscal.

-  Qual é o principal desafio ao exercer a sua profissão no setor supermercadista?

É a concentração e a atenção na conferência de cada informação lançada. Do código do fornecedor, passando pela quantidade, valor e dados tributários.

- O que difere o setor supermercadista dos outros setores, na sua opinião?

O dinamismo e a atuação de vários profissionais para o melhor atendimento aos clientes. Temos uma rotina com momentos variados, da loja mais tranquila a fila no caixa. Exige agilidade e o meu setor está interligado aos demais, com um importante papel a cumprir.

- O que te motiva? O que te inspira na execução do seu trabalho?

- A concentração máxima que requer cuidar do giro de notas fiscais. Ao mesmo tempo em que sou comunicativo, o lançamento de notas me exige muito foco e organização. Também quero continuar adquirindo mais conhecimentos na área tributária. É uma área na qual me identifico profissionalmente.

BOTÃO-NOTICIAS-SITE

Outras Notícias

?>